BANANA ( Musa Paradisíaca )

A bananeira é planta típica dos trópicos, não frutificando nas regiões frias. Seu fruto não possui sementes para reprodução, o que é feito mediante rebentos da raiz.
Completa seu ciclo vegetativo, a bananeira, após o amadurecimento do fruto: o cacho de bananas.
A banana colhida verde perde muito do seu valor orgânico- assimilável, pois seu amido ainda não se tornou em glucose, o que a faz bastante indigesta.
Quando a madura, ou colhida de vez para amadurar, seu valor nutritivo é completo: possui boa proporção de ferro e vitamina B¹, riboflamina, vitamina A, ¾ partes de água e carboidratos, em forma de açucares de diferentes espécies e de fácil digestão. Possui ainda pequena porção de proteína, fibra e pectina.
Uma qualidade excepcional da banana, que muitos ignoram, é ser ela levemente laxativa, empregada por isso nos distúrbios gastrointestinais, especialmente das crianças.
Muitos descrêem das propriedades construtivas desta fruta, classificando-a de indigesta. Afora o declarado acima, com referência a isto, a principal e comum causa da indigestão da banana, reside no fato de, dada a sua pouca consistência, ser ela engolida sem uma mastigação, o que não permite a insalivação de sua massa, indo para o estômago como pedaços de queijo indigestos e pesados. Daí o peso no estômago após ingeri-las de modo vulgar.
Para evitar este tão terrível mal, convém mastigar bem a banana. Uma vez que também os demais alimentos o exigem, com maior razão a banana, pela sua composição concentrada. O integral aproveitamento do alimento, especialmente da banana, depende de uma boa e demorada insalivação da mesma. Desta forma, o elemento fosfórico de grande valor para o cérebro, é aproveitado ao máximo.

Composição da Banana ( madura )

%
Água…………………………………………………73,74
Amido…………………………………………………3,50
Açúcar e glucose……………………………….15,00
Ácidos……………………………………………….4,00
Graxas, Proteínas………………………………2,60
Celulose e Cinzas………………………………1,60

É banana contém muitas vitaminas: A, B, C, E, G.
É rica em sais minerais, como sejam: ferro, potássio, cálcio, sódio, magnésio, silício, fósforo, enxofre e cloro.
É, pelas suas propriedades, um bom alimento e remédio. A acumulação de água no corpo, ou hidropisia, é perfeitamente curável com o uso desta fruta.
A banana é um bom remédio para as pessoas débeis ( inclusive as crianças ), enfermidades do estômago, tuberculose, reumatismo, gota, paralisia, preguiça intestinal ( prisão de ventre ), pedras ou cálculos diversos, enfermidades do fígado, nefrites, etc..
Em casos de obesidade, tem-se obtido muito bons resultados com a banana. A pessoa obesa tem que fazer uma cura com bananas, não comendo nada mais que banana, três vezes por dia. Começa-se com duas bananas em cada refeição ( três por dia ) e se aumenta diariamente uma por refeição, até cinco bananas em cada refeição.
Havendo-se chegado a esta quantidade, continua-se com a mesma uns 15 dias, e logo vai-se diminuindo, tirando-se nos 3 dias seguintes, uma banana a cada refeição, até se chegar outra vez a duas. Logo se deixa por um tempo a cura, e, mais tarde, se necessário, começa-se outra vez.
A seiva da banana, que tem efeito adstringente, é empregada nos diversos países onde esta fruta abunda, para combater as hemorroidas, mediante loções e compressas ( fomentações ). Diluída em água, emprega-se também interiormente com o mesmo fim, até acalmar a nefrite.
Aquele que realiza uma cura tal de bananas, conseguirá que seu sangue e seu organismo se livrem de toda a acidez. Isto é muito necessário a maior parte das pessoas, porque o sangue, o estômago e o organismo em geral, estão acidificados pelo insano modo de viver da humanidade, e estas são as causas de muitos malestares e enfermidades. Um tal tratamento combate as causas justamente onde começaram.
A enfermidade não vem sem causa.